SINDICATO DOS OFICIAIS ALFAIATES COSTUREIRAS E TRABALHADORES NAS INDÚSTRIAS DE CONFECÇÕES DE ROUPAS, CAMA, MESA E BANHO DE LEOPOLDINA E…
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages
Filter by Categories
Acordos
Banco de Emprego
Cadastrro
Categoria Acordo e CCT
Categoria Banners
Categoria Noticias
Categoria Notícias Arquivos
Categoria Notícias Jurídico
Categoria Social
Comunicados
Congressos
Contribuição Sindicial
Convenções
Cursos
Delegacias Regionais
Fundadores
Homologações
Instrução Normativa
Outros
Parceiros
Sedes e endereço
Sem categoria
Trabalhos realizados
Últimas Notícias
Vídeos
ACORDOS E CCT
SOCIAL
NOTÍCIAS
CADASTRO ON-LINE
Links Úteis

Parceiros

Emprego

Redes Sociais
ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Contribuição Sindical continua obrigatória, segundo Justiça

16/01/2018

A Lei nº 13.467/2017, conhecida como Lei da Reforma Trabalhista, alterou a redação de alguns artigos da CLT os quais tratam da contribuição sindical. Com a nova redação dada a  esses artigos, a princípio, a contribuição sindical passou a ser facultativa.

Ocorre que, recentemente, foram proferidas duas decisões pela Justiça do Trabalho de Santa Catarina nas quais prevaleceu o entendimento da manutenção da obrigatoriedade da contribuição sindical.

A tese adotada pela Justiça do Trabalho de Santa Catarina é de que a contribuição sindical possui natureza jurídica de tributo, consequentemente, aplica-se o disposto nos artigos 146 e 149 da Constituição Federal.

O inciso III do artigo 146 determina que cabe a lei complementar estabelecer normas gerais em matéria de legislação tributária. Sendo assim, “qualquer alteração que fosse feita no instituto da contribuição sindical deveria ter sido feita por Lei Complementar e não por Lei Ordinária”, ou seja, “existe vício constitucional formal, de origem, impondo-se a declaração da inconstitucionalidade de todas as alterações promovidas pela Lei Ordinária nº 13.467/2017 no instituto da contribuição sindical”.

Além das decisões da Justiça do Trabalho de Santa Catarina, estão tramitando 5 ações diretas de inconstitucionalidade (ADI)  no Supremo Tribunal Federal (STF) questionando a constitucionalidade das alterações promovidas nos artigos da CLT que tratam da contribuição sindical. A tese utilizada nestas ações no STF é a mesma adotada pela Justiça do Trabalho de Santa Catarina.

O retorno da obrigatoriedade da contribuição sindical também está sendo discutido na Medida Provisória nº 808, através de  967 emendas apresentadas por parlamentares e, dentre estas, várias preveem o retorno ao texto antigo da CLT, ou seja, o retorno da contribuição sindical obrigatória. Esta MP altera alguns pontos da Reforma Trabalhista.

Além disso, foram apresentadas outras emendas à MP que preveem a regulamentação da chamada “contribuição negocial”, prevista no artigo 7º da Lei nº 11.648/2008.

O que se verifica é que tanto o judiciário quanto o legislativo estão discutindo a manutenção ou retorno da obrigatoriedade do pagamento da contribuição sindical e que, portanto, é cedo para se afirmar, categoricamente, que a contribuição sindical passou a ser facultativa, e um eventual retorno à obrigatoriedade poderá gerar um passivo para as empresas, incluindo juros e multas.

Por: Luiza Paula Gomes, advogada do TI Rio

VEJA MAIS

CORONA VÍRUS

Atenção aos trabalhadores do setor: o que acontece hoje 22/03/2021 em  MG.   Sete dias após o governo de Minas Gerais impor a todos os municípios do estado a adoção das determinações da onda roxa, cidades da…

Novos pisos salarias da categoria para 2021 x 2022

Convenção coletiva das costureiras e assinada pelo presidente do sindicato de Leopoldina e Região na sede do Sindvest na cidade de bhte, hoje após várias tentativas os trabalhadores do setor tiveram um percentual de 5,53%…

Medida provisoria 927 corona virus

Presidência da República Secretaria-Geral Subchefia para Assuntos Jurídicos MEDIDA PROVISÓRIA Nº 927, DE 22 DE MARÇO DE 2020 Exposição de motivos Dispõe sobre as medidas trabalhistas para enfrentamento do estado de calamidade pública reconhecido pelo…

Empresas do setor de confecções; Informações sobre guia do imposto sindical:

Para recolher a contribuição sindical e necessário entrar no site de CEF e requerer a guia.   Caso não consiga ligue para o suporte da CEF. 0800.7260104

Lista de Trabalhadores demitidos da empresa Apa Conf. que tem direito a cesta básica

Lista de trabalhadores que trabalhavam na empresa apa Conf. que tem direito a receber a cesta básica referente ao período trabalhado.  Aguardem que divulgaremos aqui a data de recebimentos do alvará para recebimento.

Proposta de reforma da Previdência de Bolsonaro é pior do que a de Temer.

A minuta da proposta de emenda à Constituição (PEC) de reforma da Previdência que o governo de Jair Bolsonaro (PSL) deve enviar ao Congresso Nacional este mês é pior para os trabalhadores do que a…

INSS não pode cancelar aposentadoria sem assegurar ao beneficiário o contraditório e a ampla defesa

Por unanimidade, a 2ª Turma do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1) determinou que o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) mantenha o pagamento do benefício de aposentadoria por tempo de contribuição ao autor…

Reforma trabalhista faz trabalhador mais pobre abrir mão de direitos

Segundo levantamento do Ministério do Trabalho, as demissões por acordo somaram 112 mil de novembro de 2017 a agosto deste ano. Autorizada pela reforma  trabalhista, esta forma de desligamento estimula o   trabalhador a abrir mão de direitos…

Mudanças na contribuição sindical são inconstitucionais, diz MPT

Nota técnica divulgada nesta segunda-feira (30), pelo Ministério Público do Trabalho, afirma que as mudanças na contribuição sindical  promovidas pela reforma trabalhista (Lei nº 13.467/17) são inconstitucionais. O documento aponta que alterações como o fim…

Carnaval Feriado ou não feriado? Folga automática pode gerar alteração contratual

Sérgio Ferreira Pantaleão As controvérsias geradas em torno do “feriado de carnaval" em função da tradição em vários municípios de não haver expediente laboral nas empresas, bancos ou repartições públicas, nas terças-feiras de carnaval e…